Categorias









Artigos » Citações

Frases do padre Mário de Oliveira, o Padre Mário da Lixa



Frases do padre Mário de Oliveira, o Padre Mário da Lixa

 

«O Santuário de Fátima é hoje a poderosa máfia que se vê e que conta com a famigerada bênção da máfia-mãe de todas as máfias, a Cúria romana.»
 
«Por baixo de toda aquela encenação-ostentação com que Fátima hoje se nos apresenta, a sua senhora vai nua e deixa ver que tudo aquilo mais não é do que vergonha, mentira e crime»
 
«Se a fé católica romana é assim tão rasca, como a dos fatimistas, então, é muito mais digno ser-se agnóstico ou ateu.»
 
«Para as agências de turismo religioso do Mercado financeiro, Fátima é o local ideal para manter populações deprimidas, tristes, alienadas, humilhadas, autoflageladas, geração após geração.»
 
«Tudo em Fátima é altamente deprimente. Orfandade. Desamparo espiritual. Só gente deprimida, órfã, desamparada espiritualmente, é capaz de dizer que se sente lá bem»
 
«[Em Fátima] O viver de joelhos é o objetivo último. Uma vergonha, uma degradação humana a céu aberto.»
 
«As "aparições" só têm servido para ludibriar as populações mais desamparadas.»
 
«Um bom católico não deve acreditar em Fátima. Pelo que aqueles católicos, elas e eles, que acreditam e correm para Fátima, não passam de católicos medíocres.»
 
«O clero de Ourém, perfidamente orientados pelo Cónego Formigão, [foi] o grande inventor das "aparições" de Fátima, à imagem e semelhança das "aparições" de Lourdes, em França»
 
 
 
O padre Mário de Oliveira, mais conhecido pelo Padre Mário da Lixa é um presbítero-jornalista e escritor, que escreveu entre outros, o livro "Fátima nunca mais" e mais recentemente "Fátima S.A."
 
fonte: JN

 



Print Friendly and PDF












Fonte:    2015-10-10