Categorias









Artigos » Dinheiro

Ricardo Salgado reza muito, diz a Visão



Ricardo Salgado reza muito, diz a Visão

 
 
A revista Visão publicou esta semana um artigo onde explica até onde pode, o que agora fazem os banqueiros caídos em desgraça, que é um eufemismo para se referirem a essa corja, que viveu à custa de lançar "comissões de serviços" sobre quem tinha salários de 500 euros. E de outros, que simplesmente roubaram milhares de milhões. Andam todos aí à solta, para que se saiba, o que de resto pouco me importa.

O que já me aborrece é que não devolveram o que roubaram e a justiça não tem intenção de os fazer devolver. Aliás, a referida revista faz questão de notar que dinheiro é coisa que não continua a faltar a essa gente. 
 
Uma das coisas que me chamou a atenção no artigo da Visão é que todos eles rezam muito. Alguns rezam todos os dias e até em conjunto com as suas mulherzinhas. Que bem que lhes fica. Gosto muito desta gente que reza a deuses que lhes protegem de uma justiça, que é ineficiente, injusta e que deixa os tubarões safarem-se mas faz questão de apanhar as sardinhas nas malhas da rede.
 
Aliás, o caso de Ricardo Salgado versus Sócrates é bem exemplar; um parece que gastou uns milhões do amigo e ainda não se percebeu muito bem do que é acusado - está preso; o outro estourou um banco e afundou centenas de empresas. Só o banco custará ao erário público milhares de milhões de euros (para não destoar), mas o responsável anda tranquilamente a rezar na sua capela. Como é doce o cheio do dinheiro...
 
luís lemos


Print Friendly and PDF












Fonte:    2015-01-29