Categorias









Artigos » Saúde

Estudo da Universidade de Navarra põe em causa IMC como medida da obesidade



Um terço das pessoas magras de acordo com o IMC são afinal obesas
 
Um estudo da Universidade de Navarra, Espanha, concluiu que quase um terço das pessoas classificadas como magras pelo Índice de Massa Corporal (IMC) são, afinal, obesas, depois de analisar mais de 6.000 casos.
 
A equipa de investigadores desenvolveu uma nova equação, mais precisa do que o IMC, para calcular a percentagem de gordura corporal, uma vez que, conforme o anunciado hoje em um comunicado, a gordura é aquilo que estabelece se uma pessoa é normal, tem excesso de peso ou é obesa.
 
O estudo, de acordo com a EFE, concluiu que 29% das pessoas, cujo IMC estabelece que estão num nível normal, afinal apresentam uma percentagem de gordura corporal existente numa pessoa obesa. 
 
 
(fonte: jornal i)


Print Friendly and PDF












Fonte:    2013-02-17