Categorias









Artigos » Adolescentes

Adora Svitak. A maior advogada das crianças tem 12 anos



Foi a mais nova a pisar o palco das conferências TED, logo depois de Bill Gates ou James Cameron. Tem 12 anos e quer ganhar dois Nobel.

 
Para uma criança de 12 anos, passa muitas horas em casa, em Redmond, Washington, Estados Unidos. Tem aulas pela internet, e é também quase sempre pela internet que percorre escolas preparatórias norte-americanas a dar videoconferências sobre escrita criativa e leitura. 
 
Numa das últimas, segundo relata no seu blogue, saiu uma ideia para um conto inédito: 365 dias no estômago de uma rã.
"É o início do próximo grande romance americano", escreve. 
 
É tudo muito simples e Adora Svitak parece feliz. "Nunca senti que estivessem a usar a minha imagem ou a obrigar-me a crescer mais depressa: a única pressão vem de mim mesma", diz ao i numa conversa por email. 
 
Chamar-lhe criança-prodígio serve para explicar o fenómeno que leva crianças da sua idade aos sofás de Oprah Winfrey ou do "Good Morning America" - programas onde esteve em 2007. 

- ler artigo completo (abre num novo separador)
 
Mas Adora é diferente dos demais talentos artísticos: destaca-se por ler livros de 500 páginas, dominar mais vocabulário do que muitos adultos e teclar 80 a 112 palavras por minuto, uma contabilidade rigorosa. Desde os sete anos sonha ganhar o Nobel da Paz e o da Literatura. 


Print Friendly and PDF












Fonte: Jornal i   2010-03-11