Categorias









Artigos » Crianças

O meu filho mente



É comum nas crianças, ao perceberem que podem aborrecer os pais devido a certos disparates que fizeram, começarem a mentir. 
Embora enquanto crianças as mentiras possam ser piedosas, este aspecto da sua personalidade poderá enraizar-se e afectar-lhe mais tarde enquanto adulto. 
O ideal será começar desde já a ajudar-lhe a parar de mentir. Estas são as nossas dicas para o conseguir:
 
1 – Faça o sentir confortável em relação a dizer a verdade. Se por exemplo ele não fez o trabalho de casa e você aborrece-se com ele e até o castigar, de uma próxima vez ele terá receio de dizer a verdade. 
Quando perceber que ele lhe está a mentir, faça-o o sempre perceber que pode contar a verdade pois você vai compreendê-lo e não castigá-lo.
 
2 – Quando o seu filho por exemplo mentir-lhe acerca da nota de um teste, faça-o perceber que você quer saber a verdade, mesmo que seja muito má.
Explique-lhe que o seu interesse não é que ele invente uma boa nota, mas sim ajudar-lhe no sentido de ele conseguir melhores notas. Ou seja, não faz mal ele ter tido uma má nota pois contando-lhe a verdade você o ajudará. Assim ele verá a verdade como compensatória e como uma forma de resolver o seu problema, em vez de o esconder. 
 
3 – Ensine-lhe que é importante que as pessoas confiem nele e que possam ter a certeza que ele diz a verdade quando a diz. 
Faça-o perceber que mentir poderá prejudicar-lhe nas suas relações futuras, pois ninguém gosta de ser visto como mentiroso. 
 
4 – Felicite-lhe de cada vez que ele lhe revela algo que fez, mesmo que isso o prejudique. 
É importante que ele perceba que dizer a verdade compensa e não lhe traz mais problemas.
 
5 – Seja alguém em que o seu filho confie. Se os filhos virem os pais como pessoas tolerantes e de confiança, vão se sentir à vontade para contar toda a verdade, seja em que situação for. 
 
Marlene Carvalho 


Print Friendly and PDF












Fonte: portaisws.com   2011-12-02